10 de abril de 2013

Um Dia da Árvore um nadinha e muito diferente


Este dia chegou mais cedo. A 13 de março. Brilhava o sol mas o frio era muito. Uma série de atividades, simbólicas e informativas, esperavam alunos e professores neste assinalar de uma data que visa consciencializar os demais para a importância do verde e da preservação do planeta.
A responsável pela Comissão de Saúde e Ambiente, Sílvia Ramalheira, encetou, com a sua equipa, um painel multi-tasking que resultou na combinação de objetivos comuns ainda que com conteúdos diversos. Assim, teve lugar no auditório a exibição do poderoso documentário da National Geographic "6 graus que podem mudar o mundo", em duas sessões, divididas entre manhã e tarde e englobando todas as turmas.
Num outro espaço da escola, o pomar, foram plantadas árvores de citrinos que simbolizam a importância da plantação de árvores e ao mesmo tempo a forte ligação à agricultura num escola como a Epadrv. O professor João Marques deu as explicações enquanto alunos plantavam limoeiros, laranjeiras e outras. Junto do parque pedagógico da escola, foi construída anteriormente uma espiral de ervas aromáticas, por alunos do curso CEf de Jardinagem, 1º ano, e sob a orientação do professor Luís Cerqueira. Este explicou o objetivo, o processo e as expetativas relativas a tal atividade, relembrando a forte ligação da escola à produção agrária.
(Fátima Laouini)


1 comentário:

Anónimo disse...

Vamos fazer mais atividades deste género