25 de abril


Esta é amadrugada que eu esperava
O dia inicial inteiro e limpo
Onde emergimos da noite e do silêncio
E livres habitamos a substância do tempo

Sophia de Mello Breyner Andresen, in 'O Nome das Coisas'

Em contagem decrescente... para o 25 de abril

Os preparativos para a Comemoração dos 40 anos da Revolução dos Cravos já começaram há muito, na EPADRV.

Na nossa biblioteca já se "respira" LIBERDADE.
Imagens que valem mil palavras  - como é o exemplo deste desenho criado pelos nossos alunos, Lucas Silva e Ísis Santos- dão cor e vida a um espaço que promove a liberdade de expressão e o conhecimento.

Veja mais fotos no álbum do facebook da EPADRV

Uma imagem - Mil palavras


A foto que imortalizou a Revolução dos Cravos: O menino com o cravo na G3, da autoria do fotógrafo Sérgio Guimarães.

E se, no dia 24 de abril, cada aluno levasse um cravo, com uma mensagem ou um poema alusivo  à Revolução do 25 de Abril e o partilhasse com o seu colega, professor ou funcionário???

Aqui fica o desafio!!!


Ante-estreia - ABRIL 2014 - 40 anos de uma revolução



A estreia será em Coimbra, no Teatro Académico de  Gil Vicente, mas a ANTE-ESTREIA da peça de teatro - ABRIL 2014 - 40 anos de uma revolução - SERÁ na  EPADRV

"No ano em que se celebram 40 anos da Revolução dos Cravos, propõe-se um espetáculo sobre o acontecimento que mudou de forma irreversível a história de Portugal. 

Passados 40 anos do derrube do regime ditatorial, pretende-se revisitar passo a passo a construção da liberdade e as suas consequências no quotidiano e nas vidas de cada cidadão nacional. 

Este projeto não pretende ser uma aula de história, pretende antes ser uma abordagem diferente a uma temática que faz parte da história e dar instrumentos e informações que posteriormente podem ser desenvolvidos em contexto de sala de aula."
Projeto dAtrapalharte (criação de Leonor barata)

25 de Abril na EPADRV


25 de Abril
40 anos depois…
Decorridos 40 anos sobre a Revolução dos Cravos, os conceitos de liberdade, democracia e cidadania mantêm a sua atualidade, pelo que a EPADRV associar-se-á à efeméride que evoca a memória coletiva do país e a sua transição para a democracia, desenvolvendo atividades ligadas a diferentes manifestações artísticas – a arte desfaz preconceitos e educa para a tolerância.

Assim, ao longo do próximo dia 24 de abril, os diversos espaços da escola serão o palco de iniciativas ligadas à música, que marcou o desenrolar dos acontecimentos nessa madrugada “onde emergimos da noite e do silêncio”, ao teatro, que contribui para o desenvolvimento integral dos alunos, à expressão plástica, lugar privilegiado para a fusão/evasão de sentimentos, à degustação de uma ementa da liberdade, coroando com um desfile equestre.

Para que este dia na EPADRV seja uma forma de reavivar a memória dos mais velhos e, simultaneamente, sensibilizar a consciência dos mais novos, convidamos toda a comunidade educativa a participar.


 E porque a arte é o lugar da liberdade, vem à EPADRV LibertARTE!

BOA PÁSCOA 2014

A EPADRV deseja a todos uma ótima Páscoa repleta de Amor, carinho e Partilha.

Palestra sobre tabagismo

Na última sexta-feira, os alunos da Epadrv passaram pelo auditório da escola para assistirem a uma sessão de esclarecimento sobre as consequências do consumo de tabaco.
Promovida pela secção de saúde da escola e dinamizada pelos enfermeiros da unidade de cuidados na comunidades, realizaram-se 3 sessões ao longo da tarde, durante as quais todos tiveram oportunidade de refletir sobre esta questão e ver esclarecidas todas as suas dúvidas. 



EPADRV na Qualifica 2014

Quatro dias a valorizar o ensino profissional

A edição 2014 da Qualifica contou mais uma vez com a presença da EPADRV, que, para além do seu stand institucional, participou na mostra coletiva da APEPA – Associação Portuguesa das Escolas Profissionais Agrícolas. Neste espaço conjunto, entre 13 e 16 de março, de quinta a domingo, a EPADRV, em colaboração com as escolas profissionais agrícolas públicas da região norte e centro DO PAÍS, instalou a simulação de uma quinta com animais, hortas e jardins, bem como um mercado de produtos agrícolas.

Dou um Livro, Recebo um Livro


Na próxima semana, integrada na Semana da leitura, convida-se toda a Comunidade Educativa, assim como os utentes do Polo de Restauração a se envolverem numa troca graciosa - Dou um Livro, Recebo um Livro -,  a fim de poderem usufruir de percursos de leitura, ao mesmo tempo que os proporcionam a outrem.


Mas, para que esta atividade não consista numa mera troca, pedíamos ainda que no interior do livro constasse uma breve mensagem (um pensamento, uma opinião sobre o livro, um incentivo, …), de preferência numa página em branco, para que, numa eventual segunda troca, possa haver lugar a uma segunda mensagem, e assim sucessivamente. A mensagem pode ainda ser datada e assinada. 


Haverá alguém que, para além de um livro, não goste de receber também uma mensagem? 

“Qual o livro que já li e que gostaria de partilhar? Na minha estante, há algum livro que não tenha lido e que nunca me tenha despertado interesse? Talvez outros lhe deem o valor que ele tem… Onde estão? Vou procurar…”